mídias virgens & condessa buffet

nuvenzinha, somatório de vigores, sementério de notícias, melancoriza e dengo

Archive for July 2010

O BROTO

with 3 comments

Devido ao desestabilizante abalo tectônico causado nos corações acalorados com a estimada coletâenea Músicas do Parque Volume 1, está no ar na grande nuvem da rede mundial de computadores:

Músicas do Parque Volume 2

1. A Sorte – Demétrius
2. Eu já  nem sei – Wanderléia
3. Sorri, meu bem – Paulo Sergio
4. Eu nunca mais vou te esquecer – Moacyr Franco
5. Eu queria dizer que te amo numa canção – Fernando Mendes
6. Devolva-me – Leno e Lilian
7. Brigas – Altemar Dutra
8. Mar de Rosas – The Fevers
9. Sua estupidez – Roberto Carlos
10. Que tolo sou eu – Nelson Gonçalves

::

Para baixar e sorrir!

Written by bb

July 19, 2010 at 4:24 pm

Os Paqueras

with 8 comments

Cresci ouvindo uma denominação que até hoje não sei se minha família criou ou se era uma expressão comum aos jovens que frequentavam os mesmos lugares que meus pais e tios na época: música do parque.

Durante muito tempo imaginei que o que qualificava uma música como do parque era o fato dessa música já ter tocado algumas vezes no parque, mesmo sem entender muito bem em que circunstâncias se ouvia música no parque.

A cada ano que passava eu recebia um novo detalhe que dava à expressão mais clareza: antigamente, nos subúrbios e interiores, era comum ir ao parque. De diversões, precisamente. Aquele com roda gigante, maçã do amor e bola de meia. Nunca mais vi.

E aí os parques, assim como os circos, eram as grandes atrações dos bairros que não ofereciam nenhum tipo de entretenimento. Para passear era preciso “ir a cidade”. Minha mãe diz que era ou ir ao parque ou passear no cemitério. Duas opções.

Obviamente o parque era o destino favorito das turmas, da paquera e dos casais de namorados. É dessa mesma época outra expressão que não se usa mais: namorar escondido.

Pois bem, estando no parque, havia uma trilha sonora que alguém indefinido escolhia pra tocar em todas as caixonas de som espalhadas pelo grande terreno de barro. Uma mistura de rádio e DJ, coletânea de emoções juvenis.

Mas, as mais tocadas eram sempre escolhidas e dedicadas num estilo correio amoroso: uma pessoa escolhia uma música e mandava dedicar “pra garota de vestido de vermelho que está em pé na barraca de milho”. Ou então, “Valtinho da Rua Tal dedica tal música para o amor de sua vida. E por aí vai. Uma Antena 1 FM só que LIVE.

E como estar no parque era sempre um evento – dessas sensações que, pelo que vejo no jeito como minhas tias contam, a gente tem poucas vezes na vida mas nunca esquece  –  tudo que tocou um dia no parque marca até hoje.

Ouvi essas músicas a vida inteira, e mesmo sem ter vivido esses momentos, purezas provincianas que despertam mim um estranho encanto, a vontade que me dá todas as vezes que lembro dessas histórias é de ter um parque.

E como provavelmente nunca vou ter um parque, pedi pro meu pai e minha mãe fazerem uma coletânea das 10 mais. Eles apareceram com as 20 mais, eu organizei e dividi em dois volumes.

Agradeço também a contribuição da Parê, minha vó do breu, que até chorou relembrando as canções.

Músicas do Parque Volume 1

1. Vem me ajudar – The Fevers
2. O Pão – Sérgio Murillo
3. A Desconhecida – Fernando Mendes
4. Ah! Como eu te amo – Dori Edson
5. Coração de Papel – The Silver Boys
6. Escreva-me – Marcos Roberto
7. Tema Para Jovens Enamorados – The Jet Black`s
8. Coisinha Estúpida – Leno e Lillian
9. Roda Gigante – Arthurzinho
10. Gatinha Manhosa – Erasmo Carlos
11. Era Domingo – Reginaldo Rossi
12. Ternura – Wanderléia e The Youngsters
13. Stella – Cauby Peixoto
14. Ninguém vai tirar você de mim – Roberto Carlos

::

Se vocês curtirem eu subo o volume 2. Atualizado: músicas do parque 2 aqui.

::

Conheça também a CORAÇÃO ROLOU NO LIXO – O COMPACTO DISCO

Written by bb

July 14, 2010 at 12:05 am

Terreno baldio

with 2 comments

::

Prosa e Verso, jornal O Globo [03.07.10], matéria sobre escrita à mão.

Written by bb

July 3, 2010 at 5:31 pm

Cosmorama, Guadalupe, Sangue Areia e Pombal

with one comment

Primeira parte da nossa apresentação (eu, olivia araújo, gabriel pardal e dugueto shabazz) no projeto autores em cena, de marcelino freire.

Itaú Cultural, maio de 2010, os outros vídeos estão aqui.

Written by bb

July 3, 2010 at 5:25 pm