mídias virgens & condessa buffet

nuvenzinha, somatório de vigores, sementério de notícias, melancoriza e dengo

Orélhice

leave a comment »

A Hélice, que tá com o primeiro livro pra sair em breve – Dobradura – me deu a tarefa e o presente mais difícil de receber: pediu que eu escrevesse a orelha.

Tremendo, mas filisdavida, aceitei. Tá em processo. É um misto dos dois poemas que eu escrevi pra ela – o poema para encorajar hélices e o paladar – com outras coisas.

E como a primeira orelha a gente nunca esquece, esforçando-me-ei estou.

Written by bb

May 27, 2008 at 2:13 am

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s

%d bloggers like this: