mídias virgens & condessa buffet

nuvenzinha, somatório de vigores, sementério de notícias, melancoriza e dengo

Confusões matinais de chuveiro

with 2 comments

Meu rumeit disse que hoje é a missa de sétimo dia de 2007, e que o ano novo só começa amanhã.

Aí abri um livro do Gonçalo (M. Tavares) e li “as evidências abrem falências em todas as áreas”.

Vou no Seu Houaiss e pesco do Descartes: no cartesianismo, constatação de uma verdade que não suscita qualquer dúvida, em decorrência do grau de clareza e distinção com que se apresenta ao espírito.

Imediatamente lembrei que em “Evidências”, do Chitãozinho e Xororó, o eu-lírico diz disfarçar as evidências. Será possível?

Viro mais uma página atrás da clareza citada pelo Seu Houaiss e leio num outro poema “a claridade: o que fica de certos movimentos secretos.”

Moral da história: distraia-se.

Written by bb

January 7, 2008 at 2:12 pm

Posted in q

2 Responses

Subscribe to comments with RSS.

  1. distraídos venceremos, já dizia o kamiquase.

    leitora recente,
    assídua,
    fã,

    um sorriso, dois,

    mariana

    mariana costa

    January 7, 2008 at 5:02 pm

  2. beijo do rumeit! ;)

    boomonster

    January 7, 2008 at 7:38 pm


Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s

%d bloggers like this: